domingo, 14 de agosto de 2011

Fundos imobiliários

Está indicado para quem não tem dinheiro suficiente para comprar um imóvel e quer investir nesse setor ou para alguém procurando diversificar seus investimentos. Como funciona na prática? Tudo depende da valorização dos imóveis, do pagamento dos aluguéis e das prestações do financiamento. Se o mercado está favorável e todos pagando suas prestações em dia, o fundo vai muito bem.

Boa parte dos investidores que mantêm fundos imobiliários em carteira tem motivos para comemorar. Levantamento da Uqbar Educação & Informação Financeira mostra que há fundos com ganho de quase 30% somente no primeiro semestre. O ganho supera de longe a variação de 5,52% do CDI no período, enquanto o Ibovespa teve queda de 9,96%. A rentabilidade leva em conta a valorização das cotas na bolsa mais o retorno distribuído mensalmente aos investidores (Valor Econômico - 21/07/2011).

Os Fundos Imobiliários são investimentos lastreados em imóveis, com rendimento proveniente de aluguéis, ideal para quem quer diversificar os investimentos. Os rendimentos mensais distribuídos pelo Fundo aos cotistas Pessoa Física são isentos de IR, conforme Lei 11.196/05.

5 comentários:

  1. São ótimos mesmo. É o misto de R.F. e R.V.. Tem que pesquisar, tem uns com data de validade, outros que não andam bem das pernas... (WPLZ11B, dá 0,83% até ano que vem só, mas se for olhar a rentabilidade real - se n fosse esse acordo de 0,83% - tem sido muito baixa).

    Tô esperando liberação da minha iConta para mandar R$ 200,00 nos FII's ^^

    Abração DVM

    ResponderExcluir
  2. Valeu pela visita!

    Tenho acompanhado o Rendimento de Fundo Imobiliário... A planilha de 2011 ficou muito boa!

    ResponderExcluir
  3. Boas
    Também acho que é uma boa opção para investir no imobiliário através de fundos. Pois através dos fundos de investimento imobiliário também é possível diversificar. Se se investir directamente num imóvel, ficasse com enorme exposição e aumenta o risco.

    Votos de sucesso
    Nuno

    ResponderExcluir
  4. Nuno, agradeço a visita e comentários!

    ResponderExcluir